4

A Parisiense- Guia de Estilo de Ines de la Fressange

Oi, garotas lindas! Essa semana passei despretenciosamente pela Fnac, e encontrei um livro, um guia de estilo, pra ser mais exata, e estou muito empolgada!!! Já estou quase no fim da leitura, só tenho a dizer pra vocês que o livro é ótimo!!!! Dá dicas incríveis de como se vestir, serve como um guia pra ser consultado sempre que se precisa. Eu super indico!!! Ele custa aproximadamente uns 50 reais aqui em Porto Alegre, mas pra quem não tem a intenção de comprá-lo, me acompanhe aqui no blog, eu prometo que vou publicar algumas passagens (com adaptações), o que vocês não podem é ficar sem estas dicas maravilhosas dessa autora francesa cheia de estilo.

Vamos começar pelo capítulo 01- Vista-se como uma Parisiense

1. O DNa da Parisiense

Você não precisa nascer em Paris para ter o estilo da Parisiense. Eu sou o melhor exemplo disso: nasci em Saint Tropez!! Ter um estilo "made in Paris" é mais um estado de espírito. SER ALTERNATIVA E NUNCA BURGUESA, por exemplo.
A parisiense jamais cai nas armadilhas das tendências: ela respira o l air des temps e as usa com critério, eis sua receita secreta! E sempre tem algum objetivo: divertir-se com a moda. Ela segue algumas regras, mas adora transgredi-las também, faz parte do estilo. Os pontos a seguir tem o seu DNA.  C est facile!

Fuja dos conjuntos

Esqueça o total-look: é preciso mis-tu-rar!!! Saber mesclar estilos e marcas diferentes é essencial. Rimar chic com cheap conta 100 pontos no jogo "vestindo-se a la Parisiense". Usar uma it bag já bem antiga com um suéter de cashmere demonstra mais talento do que copiar literalmente os últimos looks dos desfiles. A parisiense tem um espírito livre, ela não compra  uma blusa e uma saia combinando na mesma loja. " Combinações possíveis" não é uma preocupação. A regra é simples: o chique é sobretudo não comprar conjuntos. Algo a aplicar sempre.


Ela brinca de procurar

A parisiense adora descobrir novas grifes. Principalmente se forem criativas e acessíveis. Ela fica orgulhosa com uma descoberta no supermercado da esquina, do que por ser a primeira a possuir o novo modelo de bolsa da Vitor Hugo. Seu guarda roupas é composto de "coisas baratinhas", de roupas compradas em viagens e de algumas peças luxuosas. Assim, usando um jeans a gente nunca sabe se é Calvin Klein ou Marisa. Ela não faz o gênero de torrar todo o seu salário num must-have. Primeiro porque não tem dinheiro, segundo porque considera que tem tanto talento quanto uma estilista: porque pagar caro por uma produção que ela mesma poderia ter imaginado? A parisiense tem essa arrogância de pensar que nunca estará fora de moda. Ela não liga pra moda. Embora sempre use um pequeno detalhe provando que domina as tendências. É aí que está o seu charme.

Vive la Rive gauche!!!


A Parisiense da margem esquerda do Siena tem um estilo tipo "exportação" e marca muito bem esse diferencial. Ela foge de tudo o que é exagerado e chamativo. NÃO TER CARA DE PERUA É A IDEIA.  detesta brilhos e etiquetas. Uma parisiense não está a cata de um marido milionário. Quer ficar elegante e exige qualidade. Seu luxo? Uma marca que garanta o bom gosto sem ostentar o preço.

Use o que lhe cai bem


Você nunca vai ouvir uma parisiense se queixar que a saia está muito curta, o vestido muito apertado e os sapatos muito altos. Todas as garotas que entendem de estilo cegam a mesma conclusão: o importante é se sentir bem dentro da roupa. Elas conhecem o próprio corpo, sabem o que lhes fica bem e o que combina com o seu estilo de vida. Se você não se sente a vontade com um suéter muito decotado, saltos vertiginosos ou calças justas, vá mudar de roupa!!!


Ela não tem ídolos


A parisiense não tem ídolos. Ela já é um ícone da moda! Mas, no íntimo admira Jane Birkin e Charlotte Gainsbourg, que consegue ter sempre um ar descolado e cobiçado (suéter + jeans+ tênis All Star ou botas vintage). E acha o máximo o visual de uma amiga que tem um estilotodo pessoal e consegue conservá-lo estando sempre moderna e chegando a uma certain âge com sabedoria. Como os estilistas, ela se inspira na moda da rua.





Esperam que tenham gostado, se agradou,  façam um comentário que postarei mais!!!
beijos,

Cacá Siqueira
0

A ordem é: ser cheirosa sempre!!!!

Quero indicar alguns produtinhos que eu andei comprando e simplesmente me apaixonei!

1.Óleo de banho de maçã caramelada da Avon...gurias, vocês não tem ideia da maravilha que é!!! Bom, o nome já diz tudo, é simplesmente irresistível. Sei que perfume é uma coisa complicada de escolher, afinal, todo mundo tem o seu gosto pessoal, além de que, comprar em livros dificulta mais ainda, mas então está dada a dica pra quem curte aromas adocicados.

2. Cheiro de Moça Bonita, de Natura. É uma água de banho com aroma suave e ao mesmo tempo, marcante. É pra ser passado no corpo ainda úmido,como se fosse a última água do seu banho, ou com a pele seca, a qualquer momento do seu dia, como se usa uma colônia. Eu já corri pra garantir a minha, ainda mais que é edição limitada. ;)

3. Águas de Natura, jabuticaba. Delíííícia!!!! Só posso dizer isso, desde que experimentei, viciei e acho que vou usar por longo tempo. Quando eu uso, muitas pessoas elogiam pensando que é um importado, e tem cheiro de perfume importado mesmo!!!

4. I love Love, de Moschino. Minha última dica é essa, é o perfume do estilista italiano Moschino, fragrância única e estonteantemente agradável!!! Quando o meu frasco terminou cheguei a ficar triste, ainda bem que agora veio o tamanho grande pra mim, felicidade garantida!!!


Bom, garotas espertas! Minhas dicas de hoje são estas, é só não exagerar na dose, afinal perfume demais dá dor de cabeça e tem o efeito contrário do que a gente quer, né?  Então usem o bom senso e abusem dessas delícias!!!! Beijos perfumados!